It would be great if you could support us with a small donation.
It might not be much for you, but it would help us providing more and better interviews in the future.
With a little bit of your support we might be able to realize even more!


It hasn’t even been one year since their last EP, but that didn’t stop them from creating yet another EP already! We had the pleasure of interviewing them for ICY and here we are again for GLITTER!


Obrigada por nos conceder mais uma entrevista. Quando soubemos do título do seu novo EP GLITTER, nós assemelhamos ao movimento do GLAM ROCK dos anos 70. Muitas vezes dizem que visual kei veio do GLAM ROCK. Vocês quiseram voltar para suas raízes do visual-kei com este novo lançamento?

Mao: Eu não levei em consideração o visual kei, mas sim criei músicas com o tema de vanguarda do The THIRTEEN. Com certeza existe uma parte que é relacionada ao GLAM ROCK.

Mizuki: Eu geralmente componho músicas pensando nos shows, mas como ainda estamos com restrições como não poder gritar e etc, quero que está música seja como uma arma para usarmos contra esta barreira. Não podemos aproveitar um show com som pesado no momento, então é desafio achar jeitos diferentes, e novos, de aproveitar os shows na atualidade.

A arte da capa do CD nos remete ao estilo pop art, que também trás uma certa nostalgia. Vocês foram inspirados por este estilo de arte?

Mao: Nos encontramos com o designer para conversar sobre o tema da capa. Mesmo que seja um estilo pop, as cores e contrastes baseados nas músicas foram incorporamos através de imagens realistas e elementos de arte conteporania com um pouco de conto de fadas.

Mizuki: Eu queria que fosse algo bonito e colorido, e acabou resultando nessa arte da capa.

Vimos Mizuki usando luvas enquanto toca guitarra durante o vídeoclipe de Focus. Foi diferente, ou díficil, não sentir as cordas (da guitarra) enquanto tocava?

Mizuki: Eu acho que vou tirar minhas luvas durante o show (risos). Aquilo foi só para o vídeoclipe!

A maquiagem dos seus olhos é impressionante desta vez! Quanto tempo geralmente leva para fazer?

Mao: Por volta de uma hora! Eu especialmente decidi usar glitter na sobra de olho pra combinar com o título!

Mizuki: Eu preciso de 2 horas.

Mao (Vo.)

Comparando com seus lançamentos até o momento, GLITTER tem uma vibe mais positiva. Qual o motivo por trás deste nome?

Mao: Foi um trabalho que criamos durante a pandemia, o mundo todo ainda não está de volta ao ‘normal’, mas escolhemos esse nome com a intenção de trazer um brilho de esperança para o novo mundo.

Mizuki: Esse é o resultado de tentar encontrar novas maneiras de aproveitar um show durante a pandemia. Um desafio de várias coisas novas.

O baixo e bateria são muito intensos. Vocês quem criam essas partes sozinhos, ou procuram ajuda dos integrantes suporte?

Mao: Na fase demo nós criamos a base para o baixo e a bateria, mas sempre deixamos para a pessoa responsável terminar porque eles tem melhor conhecimento, técnica e habilidade nestes instrumentos.

Mizuki: Eu toco o baixo e a bateria na fase demo, depois os integrantes suporte se encarregam dos arranjos finais.

Tokyo Sympathy soa como uma música que se encaixaria muito bem em um bar. Que tipo de bebida você pediria se estivesse em um bar escutando está música?

Mao: Algum whisky antigo talvez? (risos)

Mizuki: O que eu escolheria… talvez algo como Old Parr? (Old Parr é um whisky escocês)

Nesta segunda parte da entrevista gostaria de perguntar sobre o The THIRTEEN no geral. Como, ou porquê você decidiu escrever músicas? Teve alguma banda, artista ou gênero musical que te inspirou?

Mao: Quando eu estava no colégio, meu primo tocava guitarra, o que me fez querer começar a tocar tambem. Dali em diante X deixou uma marca muito forte em mim e eu finalmente comecei a tocar (guitarra). Então eu descobri DIR EN GREY e acabei achando o vocal para mim.

Mizuki: Tudo começou quando eu vi Takuya Kimura, do SMAP, na televisão cantando enquanto tocava guitarra. Depois disso teve GLAY, L’Arc~en~Ciel e DIR EN GREY.

Mizuki (Gt.)

Vocês celebraram o seu quinto aniversário no ano de 2021. Vocês celebraram sozinhos? Como vocês se sentem após estes cinco anos?

Mao: Eu não celebrei sozinho. Foram cinco anos de turbulencia, então eu sinto que passou em um piscar de olhos.

Mizuki: Eu não pude celebrar por conta do COVID, sabe? Acho que eu só bebi uma sozinho…

Vocês geralmente tem shows 2-man (com duas bandas principais), certo? Vocês podem compartilhar alguma história engraçada desses eventos? 

Mao: Como celebramos nosso quinto aniversário até o nosso sexto, nós vamos ter shows 2-man com treze artistas diferentes, para combinar com o nome da nossa banda. Todas essas bandas são ótimas, então vai ser uma luta de um para um. Eu geralmente me desafio a ter uma setlist, e maquiagem, que se encaixam na outra banda. Eles tambem tentam combinar com a gente, então fica uma inversão bem interessante.

Mizuki: É díficil me arrumar, porque eu troco de figurino dependendo da banda que a gente ta tocando junto.

Tem algum objetivo que você quer alcançar com seu novo EP GLITTER, ou em 2022 no geral?

Mao: Eu nunca tive um objetivo que queria alcançar, mas nós não tivemos a chance de fazer shows por conta do corona, então eu quero subir no palco o máximo possível com nossos fãs para preencher esse tempo em branco.

Mizuki: Eu quero fazer vários shows! Especialmente shows no exterior, então eu conto com o apoio de vocês!

Interview: Jenny & Chris
Translator: Kayomi

The THIRTEEN OFFICIALThe THIRTEEN OFFICIAL TWITTER
SpotifyAPPLE MUSIC

It would be great if you could support us with a small donation.
It might not be much for you, but it would help us providing more and better interviews in the future.
With a little bit of your support we might be able to realize even more!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s